Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

Vídeo marketing em vendas

Vídeo marketing em vendas

O vídeo digital está aí desde o século passado, até antes da Internet comercial. Então nada mais apropriado do que aproveitar o vídeo marketing em vendas.

Alguns setores que têm se destacado mais no uso de vídeos são: saúde, imóveis, serviços financeiros e educação.

E quando falamos em aumento de vendas utilizando vídeos, falamos em 4X mais vendas…

Engaja o tempo todo

O vídeo é um imã de engajamento. É realmente impressionante a capacidade de ser assistido e o impacto que causa na maioria dos usuários.

E o vídeo de todo o tipo, independente inclusive da qualidade do mesmo, apenas por ser um vídeo.

Um vídeo explicativo além de envolver o usuário ainda facilita o entendimento sobre seu produto/serviço.

O vídeo causa até 3x mais respostas dos usuários. Em relacionamentos à distância melhora a receptividade do usuário.

Vídeos no site

Para inserir seus vídeos no seu site você já deveria ter os mesmos em algum canal numa plataforma como o YouTube.

É mais uma maneira orgânica de gerar mais visitas e leads a partir do conteúdo dos vídeos.

Não esqueça que vídeo também tem SEO. Lembrando que o YouTube é o segundo maior mecanismo de buscas, atrás apenas do próprio Google.

Vídeos em páginas de produtos

Além de demonstrar os produtos, ressaltar os melhores pontos positivos, lembre-se que os vídeos são os novos manuais.

Até para serviços e app/softwares os vídeos são extremamente eficientes.

Sem falar que você pode facilitar o compartilhamento e o download do mesmo.

Se existir uma descrição de produto em texto e a mesma em vídeo, é provável que o vídeo seja utilizado.

Webinars

Os webinars tem sido muito utilizados, e nem sempre são ao vivo. Você pode gravar alguns vídeos e manter funcionando em modo automático.

São excelentes ferramentas para coleta de leads e também para fins de suporte aos clientes existentes.

Perguntas e respostas

Responda as perguntas de vendas através de vídeos. Além de ajudar novos clientes elimina leads não qualificados.

Você estabelece confiança mais rapidamente. Pode ainda estender o assunto através de CTA e agendamento de reuniões via vídeo conferência.

Além de economizar tempo pode reaproveitar oportunidades perdidas anteriormente a partir do conteúdo dos vídeos.

Ofertas exclusivas

Você pode fazer vídeos e enviar, inclusive de ofertas exclusivas. Mantenha o controle e avisa sobre o período de validade de maneira clara e honesta.

Mostrar as características de um produto/serviço e criar uma sensação de escassez ou de tempo reduzido para adquirir com vantagens pode ter um efeito benéfico sobre as vendas.

Personalize

Você pode fazer vídeos personalizados (se tiver capacidade), seus clientes vão se sentir importantes e acolhidos.

Dependendo da ferramenta / plataforma você pode até introduzir o nome de cada cliente em determinados locais do vídeo.

Ou pode simplesmente criar alguns vídeos padrão, com sua equipe mesmo, e enviar a cada etapa de prospecção / venda concluída.

Pense nisso!

Ensine

Crie vídeos de instruções e informativos. Esclareça dúvidas dos usuários. Demonstre produtos e serviços.

Reduza o volume de atendimento do seu suporte, cria versões em vídeos (mesmo que seja screencast) das dúvidas mais comuns / FAQ.

Vídeo no email marketing

Sim o e-mail ainda é o rei do ROI. Você pode – e deve – utilizar os vídeos para enriquecer a experiência dos usuários no email marketing.

Mas obviamente não vai enviar um vídeo dentro do e-mail, normalmente ele vai linkar para a plataforma de vídeos ou landing page específica (que também vai conter o vídeo no seu player).

Tendências e experimentos

  • Vendas e marketing seguem precisando criar credibilidade, impulso e confiança para as empresas, e o vídeo auxilia muito isso;
  • Explore o que seus concorrentes estão fazendo com vídeos;
  • A tecnologia dos vídeos permite desenvolver relacionamentos segmentados/personalizados e em escala;
  • Mantenha o foco do seu canal de vídeos;
  • As equipes de vendas eficazes precisam estar abertas à experimentar e criar mais com vídeos;
  • Com o tempo melhore a qualidade na produção / edição;
  • O vídeo é o canal ideal para contar histórias, parte da audiência já é nativa dos vídeos;
  • Vídeo é conteúdo, então mantenha a consistência na produção;
  • A automação de marketing com CRM podem obter vantagens no uso de vídeos;
  • Se vendas e marketing estão afinados, traga a equipe de produtos para o barco dos vídeos;
  • Promova e reaproveite os vídeos;

Mitos a serem superados

  • A equipe de vendas não tem tempo para fazer vídeos;
  • Produzir um vídeo é uma realidade longe da nossa;
  • O vídeo não converte e não temos como rastrear os resultados;
  • É preciso contratar atores e produtoras para fazer direito;
  • Nosso nicho de mercado não costuma produzir vídeos;

A realidade é

Que os vídeos estão sendo cada vez mais utilizados pelos resultados que tem apresentado, e o pessoal de vendas sinaliza e o povo do marketing trabalham cada vez mais esta mídia. E você?

Ainda, empresas mais evoluídas estão utilizando vídeos criados pelos próprios usuários e evangelizadores de marca.

Isso não é um feito simples de se alcançar, mas é possível.

Se quiser ver alguns números confira aqui 50 estatísticas interessantes, antigas mas servem de referência.

Dicas do Hotmart para um bom vídeo de vendas

Outros posts da série

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *