Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

Porque devo otimizar meu email marketing agora?

Porque devo otimizar meu email marketing agora?

Pandemia, vendas fracas, poucos cadastramentos, então porque devo otimizar meu email marketing? Você pode até estar pensando desta forma, mas se quiser superar os obstáculos criados pelo Covid-19, leve isso mais a sério!

Otimize seu email marketing para vender mais!

Agora que tenho sua atenção, que tal sacudir essa poeira que essa onda da pandemia depositou sobre todos nós e todos os negócios e focar no que é importante de fato?

Neste momento temos que aumentar as vendas, aumentar as conversões e principalmente restaurar o engajamento, não é hora para se sentir derrotado e muito menos dispensar as ferramentas de marketing.

Mantenha a cadência

Não deixe as coisas piorarem, siga enviando seus e-mails, se realmente não estiver vendendo nada porque está com as portas fechadas e não pode fazer e-mails de vendas, mude o foco temporariamente.

Fale sobre seus produtos e serviços, fale sobre as principais dúvidas, lembre dos principais pontos de suporte, entregue algo novo e gratuito (um e-book, um treinamento, algumas dicas) e mantenha a régua funcionando.

Não podemos piorar o que depende de nós. Se puder, se estiver vendendo, faça novos envios, dê alternativas, de frete, de coleta, promoções, traga o usuário de volta, mesmo que por outros meios.

Confira os relatórios de envio, aqueles que faz meses que você não olha, revisite os assuntos que mais deram retorno nos últimos 6 meses e que ainda fazem sentido.

Aproveite também as mídias sociais neste período. Facebook, Instagram e Twitter ainda podem ajudar, LinkedIn nem se fala.

Mas não fique somente tentando vender no desespero, todos estão com problemas, em maior e menor escala.

Mantenha a consistência dos envios, faça mais Testes A/B, ajuste o que estava funcionando e repita.

Ah, grandes dicas, isso tudo eu já sei!

Ok Einstein (estou tentando algum humor aqui, não fique brabo comigo), lembre-se que o email marketing é só uma parte do que você deve manter funcionando a pleno!

Mantenha a periodicidade da produção e publicação de conteúdos, envie partes dos novos conteúdos por e-mail e fomente o clique com bons CTAs.

Dê aquela reavaliada nos templates, dê uma afinada, uma melhorada que faça o usuário perceber que você está lá, trabalhando, que está mudando, que está fazendo algo para ele.

Vá olhar melhor os números, não só da ferramenta de envios, do Analytics do seu site, das conversões, do $ que entra – ou deixa de entrar.

É hora de ajustar processos internos!

Se precisar mudar de fornecedor, faça isso, mas testes, olhe os números, mude para melhor não apenas para o menor preço.

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *