Mitos do vídeo marketing

Existem diversas linhas de utilização de vídeos e cada uma dela tem seus mitos do vídeo marketing, vamos conferir alguns deles!

Não temos tempo para gravar vídeos

Você pode gravar dezenas de vídeos no mesmo dia se tiver o mínimo de planejamento.

Assim como boa parte dos meus clientes tem a mesma desculpa para produzir conteúdos.

Se você quiser realmente gravar vai arranjar o tempo necessário.

Vídeos na educação / EAD / ensino

Alguns especialistas acham que o aprendizado por vídeo leva o usuário a uma tendência passiva de aprendizagem, o que é totalmente equivocado.

O vídeo na educação não é mais uma tendência, é uma realidade, e em um país como o nosso a única alternativa para democratizar o ensino.

A eficácia do vídeo (ao vivo ou gravado) como ferramenta de aprendizado é incontestável.

O importante é a maneira como isso é feito e sua eficácia. Além disso muita gente acha demorado e difícil produzir qualquer tipo de vídeo, principalmente para educação.

Se a pessoa tem didática suficiente, ela o terá ao vivo ou no vídeo gravado!

O vídeo é muito caro para ser produzido

Conheci um sujeito que ganhou um prêmio na loteria e contratou o Van Halen para tocar na festa de aniversário, e depois disso o dinheiro acabou…

Os consumidores preferem autenticidade no vídeo em detrimento a qualidade, então dito isso qualquer coisa sobre não importa mais.

Vídeo é complicado demais

Nenhuma casa sem criança mantinha o relógio dos vídeo-cassetes regulado, e nem por isso ninguém deixou de assistir as suas fitas alugadas.

Hoje existem milhares de opções de ferramentas, equipamentos e facilidades para se produzir vídeos, além de cursos e profissionais contratáveis com a facilidade de um “Uber” para auxiliar você.

E qualquer celular com um microfone de R$ 20,00 produz excelentes resultados, sem falar nas diversas opções de ferramentas gratuitas e pagas para edição.

No meu mercado de atuação ninguém usa vídeo

Ainda bem que você extrai diretamente do solo a sua subsistência!

Veja, não é porque você e seus concorrentes conhecidos não fazem uso do vídeo que ele não pode ser implementado como uma ferramenta poderosa de apoio às vendas e ao suporte dos clientes.

  • 82% de todo o tráfego da Internet será de vídeo em 2021, acima dos 73% em 2016. – Cisco
  • 55% das pessoas assistem a vídeos online todos os dias. – Invisia
  • 500 milhões de horas de vídeo são assistidas todos os dias somente no YouTube. – Buffer

É claro que existem nichos mais identificados com tipos de vídeos específicos e nichos menos diretamente relacionados, mas se este for mesmo o seu caso, recomendo que comece hoje e se diferencie do resto da concorrência.

O pessoal do marketing disse que o vídeo é difícil de rastrear

Esse pessoal do marketing precisa se atualizar.

Só porque o YouTube não fornece analytics que você precisa, não significa que outras empresas não estejam disponibilizando isso!

É claro que as melhores coisas não são gratuitas.

Para produzir vídeos eu preciso ser um especialista

Mentira! Se eu consigo, você também consegue.

E como eu disse anteriormente, você já possui todas as ferramentas que precisa para fazer vídeos, talvez esteja lendo este post na melhor delas, seu celular.

É preciso ter um roteiro muito bem feito

Seria muito bom que você tivesse um roteiro, não só para produzir vídeos como para produzir qualquer coisa nessa vida!

Entenda que roteiro é um documento, linhas gerais, tópicos, uma planilha, um PowerPoint, até uma folha de papel com suas principais ideias, apenas para organizar o que você vai fazer em cada vídeo que vai gravar.

Ainda assim, vídeos sem script podem funcionar se você estiver seguro do que vai comunicar.

A melhor coisa é gravar e assistir depois!

Ninguém vai assistir meus vídeos

É um risco que você vai ter que correr.

Lembrando que o YouTube é o segundo maior mecanismo de buscas, somente atrás do próprio Google, o que significa que você tem recursos de SEO para melhorar o desempenho do seu vídeo.

Então antes de arranjar desculpas vá produzir algum vídeo.

Depois de produzir temos que contratar uma empresa para editar os vídeos

Isso seria ótimo, contar com ajuda profissional. Mas a maior parte dos vídeos é disponibilizada diretamente, sem cortes ou mesmo edição.

Com o tempo, e com as ferramentas, você vai melhorando a qualidade e cortando pontos desnecessários.

E como falei anteriormente, existem profissionais freelancers e ferramentas gratuitas que você pode utilizar, algumas rodando localmente no seu PC, celular ou mesmo na nuvem!

Vídeo para funcionar tem que ser viral

Não sei se isso tem relação com o corona vírus 🙂

Você nunca terá esse controle, e se atingir o público certo está valendo. De que adianta ser viral e não gerar nada de vendas ou de reconhecimento?

É uma questão de qualidade, não de quantidade o ponto principal.

E então?

Então que já passou da hora de você começar a produzir seus vídeos. Lembre-se, só erra quem faz!

Vai ficar pensando nos mitos ou vai meter a cara?

Seu vídeo na primeira página do YouTube, mito?

Posts da série

Imagem padrão
Gustavo Tagliassuchi
Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

Deixar uma resposta