Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

Leis e regulações legais do email marketing

Leis e regulacoes legais do email marketing

Observo – desde sempre – que surgem iniciativas louváveis, e outras nem tanto, de tempos em tempos, para regular as práticas de email marketing. Na verdade o foco é combater o SPAM.

Claro, me parece que até agora as coisas tenham funcionado razoavelmente bem. O mercado deveria ser suficiente para se auto regular.

Iniciativas louváveis como o CAPEM – código de autorregulamentação para prática do email marketing – que fui um dos participantes iniciais da iniciativa, naufragaram em meio a burocracia e organização de muitas empresas, entidades e interesses. Quem sabe ele ressuge?

Tinha definido escrever sobre este assunto já faz um tempo, mas não encontrava tempo e quando podia trocava por outro assunto que me parecia mais adequado.

Claro que os links mais novos sobre este assunto já estavam velhos, então tive que pesquisar um pouco mais.

E encontrei um artigo de Eduardo Antônio Pires Munhoz e Luciana de Santana de Carvalho, intitulada “Considerações legais sobre a prática do e-mail marketing no Brasil”, que embora não seja novo ainda é adequado, contemplando vários dos pontos que vou abordar aqui, porém de maneira mais aprofundada.

Entidades que tentam fazer algo a respeito

Leis brasileiras que devem ser observadas

Projetos que ainda estão tramitando

Leis de outros países e blocos econômicos

E se você envia email marketing deveria sempre se preocupar com

  • Garantir que o destinatário autorizou o envio, ter sempre o consentimento;
  • Nunca ceder sua lista ou pegar outra emprestada;
  • Sempre fornecer informações 100% confiáveis nos seus envios;
  • Sempre se identificar adequadamente;
  • Inclua os dados completos da sua empresa;
  • Garantir que o descadastro seja feito imediatamente;
  • Observar as leis em cada país onde tiver destinatários;
  • Se o envio é seu, tem que haver links para o seu web site;

Se for enviar email marketing para outros países estude a legislação e garanta que seu fornecedor de envios esteja de acordo com as melhores práticas no local de destino das mensagens!

E também cobre o seu político em Brasília, 15 anos para aprovar um projeto já desfigura totalmente o objetivo inicial certo?

Alguns links daqui encontrei na web, mas boa parte tem aqui na MailChimp.

Confira o vídeo

Confira uma das últimas atualizações sobre o tema!

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *