Onde hospedar o seu blog?

Onde hospedar o seu blog

Já pensou onde vai hospedar o seu blog? A hospedagem é o primeiro fator de sucesso de um blog. 

Devo utilizar hospedagem gratuita para hospedar meu blog?

  • Não
  • Nunca
  • Nem pense nisso
  • Definitivamente não

Enquanto você se pergunta porque não pode economizar uns trocados, só posso dizer por experiência própria que não vale a pena.

Utilize uma boa hospedagem para seu blog, e mantenha os e-mails separados da hospedagem do blog, por uma questão prática e de segurança.

Porque hospedar o seu blog em um local apropriado é importante?

  • A velocidade de carregamento do site influência no ranking do mesmo no Google;
    • 47% dos usuários esperam que a página carregue em menos de 2 segundos;
    • 40% vai abandonar o blog se ele demorar mais de 3 segundos para carregar;
    • Cada 1 segundo a mais de tempo de carregamento resulta em 7% a menos de conversão!
  • Usuários abandonam facilmente um site que demora para carregar;
  • Você pode ter problemas em função dos demais usuários do mesmo provedor de hospedagem;
  • A operação do blog pode ser afetada pela hospedagem;
  • Alguns hospedeiros baratos e gratuitos tem versões antigas do PHP, brechas de segurança conhecidas e não costumam dar atenção ao suporte técnico aos usuários;
  • A quantidade de acessos simultâneos impacta o blog;
  • O consumo de recursos do seu blog (em hospedagens gratuitas ou muito baratas) pode impactar e você sofrer penalizações do provedor de hospedagem, como seu site ficar fora do ar e inacessível;
  • Se o provedor informa que garante 99% do tempo no ar, saiba que isso significa que seu blog poderá ficar até 3 dias e 15h fora do ar por ano, entenda os números:
    • 99.999% uptime = 5 minutos fora do ar / ano
    • 99.99% uptime = 53 minutos fora do ar / ano
    • 99.9% uptime = 8 horas 45 minutos fora do ar / ano
    • 99% uptime = 3.65 dias fora do ar / ano
  • As versões mais atualizadas de PHP e banco de dados também influenciam muito;
  • Se existe backup e o tempo que ele fica disponível para você utilizar, e eventualmente o valor cobrado para recuperar;
  • Alguns provedores estão no exterior, então é bom testar, eles podem ser muito melhores que os que estão aqui no Brasil, e muito mais baratos!
  • O suporte também é importante, alguns trabalham por telefone, chat e e-mail e normalmente respondem muito rapidamente via tickets;
  • Prefira inicialmente planos mensais de hospedagens, ou trimestrais, não se amarre até ter certeza que o provedor é bom.

Então vamos aos fatos, vou lhe sugerir algumas hospedagens, desde a mais barata até a mais sofisticada, e você escolhe como quer começar, e para seus e-mails, recomendo que comece com apenas uma conta de e-mail, junto ao Google, utilizando o serviço deles específico para este fim.

Alguns dos links a seguir oferecem alguns descontos para você, normalmente serão observados na hora de efetuar o pagamento e respeitando-se as condições de cada um dos fornecedores.

Se não visualizar os descontos me avise, mas tenha em mente que cada empresa tem suas políticas distintas.

Se quiser os links diretos

A partir daqui detalhei um pouco cada um dos serviços sugeridos.

Google Apps

Além do e-mail com espaço gigantesco, você terá ainda os demais serviços do Google, calendário, agenda, contatos (nunca mais perca os contatos do seu celular), documentos, planilhas, etc.

E o mais importante, caso tenha que mudar de provedor de hospedagem em algum momento, seus e-mails continuarão no mesmo lugar, você muda o site e não mexe nos e-mails!

Você tem ainda aqui duas opções, o padrão com 30GB de espaço para seu e-mail e armazenamento online de arquivos, que lhe custará US$ 5,00 por mês (um pouco menos se o pagamento for anual), ou US$ 10,00 mês (ou um pouco menos para pagamentos anuais) por conta de e-mail, com espaço ilimitado e outras facilidades como backup, pesquisa nos e-mails e mais segurança.

Tá achando caro? Lembre-se que poderá eliminar um Office e um Dropbox dependendo do seu uso!

Big Scoots

Utilizo o Big Scoots há bastante tempo. Eles tem diversos tipos de planos lá. Se já tive problemas com eles? Certamente! Mas o que diferencia um provedor do outro é a maneira como tratam os problemas e o atendimento aos clientes. Super recomendo!

Utilize este código promocional J1V9Y863B3SG creio que ele vai lhe dar um desconto interessante para pagamento trimestral, semestral e anual. Confira no site do BigScoots.

Site Ground

Um dos provedores mais especializados em WordPress (também em Joomla), oferece facilidades como integração com CloudFlare (CDN), backup automático, segurança reforçada e excelente suporte aos usuários. Confira no site do SiteGround.

Mas e os provedores brasileiros?

Sempre testei muito onde hospedar meus blogs, então posso falar com propriedade e sugerir onde você pode hospedar o seu blog.

Você pode estar se perguntando: Mas esse cara é maluco, só coloca provedor no exterior?

Sim, e explico, os provedores acima eu testei. Testei mais de uma 150 de provedores diferentes nos últimos 20 anos, e continuo testando, analisando e aqui somente disponibilizo os que se pode confiar.

Não vou fazer uma listas de melhores e piores porque não é este o objetivo do post. Posso inclusive ter tido insucesso em um determinado provedor que funciona perfeitamente para outros usuários.

Mas o que posso garantir é que os provedores acima normalmente tem alta disponibilidade, garantia do nível de serviço, e não vão cortar seu blog por alguma coisa que não esteja realmente muito errada!

E em caso de dúvidas e sugestões, faça um comentário ou entre em contato! Se quiser sempre receber as novidades assine nossa newsletter!

O que estão falando sobre hospedar o seu blog?

Segundo uma pesquisa da CodeinWP, com cerca de 500 usuários de WordPress, os melhores provedores atualmente são os seguintes, pela ordem:

  • Kinsta
  • Flywheel
  • Digital Ocean*
  • SiteGround
  • DreamHost*
  • InMotion*
  • Media Temple*
  • WP Engine
  • Namecheap
  • HostGator*
  • GoDaddy*
  • Bluehost*

Os que estão marcados com * são os que já testei!

O que é importante saber sobre quem respondeu a pesquisa

  • 78% dos entrevistados está satisfeito com seu provedor atual;
  • 87% recomendam os mesmos para outras pessoas;
  • Sobre os valores pagos;
    • 12% paga até US$ 5,00 mês;
    • 27% paga entre US$ 5,00 e US$ 10,00 mês;
    • 10% paga mais de US$ 100,00 mês;
  • Os sites (feitos com WordPress) mais populares são;
    • Web sites corporativos;
    • Web sites pessoais;
    • Lojas virtuais;
    • Blogs clássicos;
    • Revistas online;
  • Em média cada um que respondeu tem 10 blogs ativos;
  • 64% já testou e utilizou mais de 3 empresas de hospedagem;
  • Em média eles estão utilizando o mesmo provedor de hospedagem à 26 meses;

Análises independentes de hospedagens para WordPress

Mas e se você já tem um blog hospedado, como saber se está bom ou não?

Bem, primeiro de tudo comece monitorando o tempo de uptime, ou seja, descubra quanto tempo seu blog/site tem ficado no ar. Recomendo começar pelo UptimeRobot ou pelo Monitive.

Ambos na versão gratuita monitoram apenas em intervalos de 5 minutos, o que já deve servir. O Monitive deixa você fazer uma trial por alguns dias, então tende a ser mais efetivo.

Depois disso, você pode também utilizar alguns plugins específicos, sugiro começar com o wp Hosting Performance Check se estiver confiante com os tipos de dados exibidos.

É importante lembrar que o WordPress pode ser migrado. Provedor de hospedagem não é casamento! Você tem que ter liberdade de mudar a hora que quiser, por isso prefira planos mensais ou trimestrais, para evitar amarras.

Confira o vídeo

E para finalizar, comente aí suas dúvidas e eu respondo rapidamente ok?

Créditos da imagem utilizada: Icons made by Freepik from www.flaticon.com is licensed by CC 3.0 BY

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS.Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total).Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil aforaMais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa.Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos.Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você.Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *