Tendências para email marketing em 2017

Tendências para email marketing em 2017

Dei uma verificada em diversas empresas, observando análises de 2016 no mercado de email marketing, e o que pode ser traduzido como tendências para email marketing em 2017. Acompanhe.

  • A frequência de envio aumentará: as empresas enviarão mais, baseadas em mais segmentação, e-mails transacionais e automações em geral. E isso é bom. A tendência vem desde a Black Friday de 2016;
  • A receita para email marketing aumentará: as empresas investirão mais e melhor em 2017 no email marketing;
  • Automação agora é regra: A Econsultancy prevê um boom na utilização de automação de email marketing em 2017, mas a ideia é utilizar mais conteúdo existente para criar e automatizar as peças para envio;
  • O mobile se consolida como canal primário de leitura: seguindo tendência desde 2015 o mobile reina absoluto. É preciso ficar atento a isto e as mudanças que podem ocorrer durante o ano nos aplicativos mobile para suportar a demanda;
  • Utilização de texto ALT: mas não simplesmente texto, estilizado para caso as imagens falhem;
  • Simplicidade é tudo: seguindo tendência de 2016 nas peças de email marketing, mais espaço, menos texto, imagens maiores, tendências minimalistas mas de grande impacto ao usuário;
  • Utilização de imagens maiores: ou retina-optimized, para facilitar a visualização (e aumentar as vendas), se as pessoas não enxergam direito não compram;
  • Utilização de GIFs animados: já era uma tendência em 2016 mas agora está claro que prende os olhos, aumenta a taxa de CTA, e facilita a demonstração de produtos quando for o caso;
  • Teste A/B para pre-header: Segundo a Litmus está sendo testado e utilizado com mais frequência apenas esta variação no teste A/B. Eu vou testar;
  • Planejar com antecedência os envios: cuidando mais do conteúdo, assunto e outros elementos necessários a criação e envio de email marketing;
  • Personalização: Já era muito utilizada, mas melhorar a utilização está dentro da lista das maiores empresas para 2017;
  • Integração das plataformas de envio: de forma facilitada e com mais fornecedores de BI, social media, analytics, CRM, tecnologias cognitivas e ERP se faz necessária;
  • Contas de e-mail vão crescer: veremos aumento de cerca de 3% na quantidade de contas de e-mail, alcançando cerca de 2,7 bilhões de usuários;
  • Vídeo: voltará a ser utilizado com a massificação e facilitação de sua produção e recursos de HTML5;
  • Domínio: seguirá sendo importante na reputação e entregabilidade;
  • Engajamento: seguirá muito importante para manter a entrega dos e-mails em níveis aceitáveis;
  • CSS: inline seguirá sendo o carro chefe;
  • Yahoo: poderá ser migrado para Alto Mail, então poderemos ter surpresas;
  • Benefícios do e-mail marketing: segundo os marqueteiros o maior de todos seguirá sendo geração de leads em 2017;
  • IPs compartilhados: tenderão a seguir em destaque em 2017;
  • Big data: pode não ser coisa nova, mas em 2017 será muito utilizada no email marketing;
  • Microsites: veremos mais neste ano sliders, banners rotativos, menus, busca e outros elementos mais comuns em web sites diretamente no e-mail enviado;
  • A estratégia: será mais importante do que a parte técnica do envio. Veremos!

E por último:

O e-mail não vai morrer!

Agradecimentos à Econsultancy, Campaign Monitor, Enchant, Litmus, MessageGears, Email Vendor, The Radicati Group, Direct Marketing Association, Return Path e GetResponse.

Ah, foi só eu publicar que o pessoal da Litmus veio no rastro! 😉

Confira o vídeo

Gustavo Tagliassuchi

Velha ave de rapina, estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, profundo admirador do WordPress, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto e corredor muito muito amador.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *