Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

Mitos e erros comuns nos cursos à distância

Mitos e erros comuns nos cursos à distância

Bem, chegamos ao final no post anterior, mas ainda tem mais coisas, cuide com os mitos e erros comuns nos cursos à distância.

Alguns mitos para criar um curso online

Eu demorei muitos anos até resolver colocar um curso online de verdade. De fato me considerava praticamente um impostor.

Considerava muitas vezes que não era especialista o suficiente para ensinar alguma coisa, achava que dependendo do caso precisaria ter algum tipo de educação / curso formal para fazer tal coisa.

Então não faça isso, você não precisa ser o maior especialista, não precisa ter uma educação formal sobre o assunto, não precisa ser um professor para ensinar realmente.

Não significa que você pode fazer um curso sobre qualquer assunto, sem o mínimo de conhecimento ou paixão pelo assunto.

O que você precisa sobre é um assunto, e como explicar ele da melhor maneira para pessoas que sabem menos que você, simples assim.

Também achava que deveria talvez ensinar sobre assuntos que estão mais na moda, o que é outro erro comum, esse até pior que o anterior.

Aí sim podemos entrar numa área que não dominamos o suficiente se pensarmos só no faturamento.

Foque no que você sabe, no que você gosta e no que você quer ensinar.

Ainda que pesquisei antes de publicar o meu primeiro curso e vi que tinha um número grande de cursos similares, achei por muito tempo que era muita concorrência já estabelecida.

Esqueça isso, concorrência é uma coisa boa, significa que tem demanda e gente interessada no assunto!

Cuide mais do seu curso e se preocupe menos com o resultado financeiro

Você não deve pensar só no resultado financeiro para planejar um curso, é um caminho para o insucesso.

Pense no seu curso, no seu nicho de atuação, desenvolva seu conteúdo, publique, divulgue, aumente a base, se relacione com a base, e obtenha resultados financeiros aí.

Eventualmente você pode ter um curso gratuito, normalmente tem muita gente fazendo, comentando e fazendo críticas e sugestões. Torne este curso um trampolim para chamar os alunos para seus cursos pagos.

Lembre-se que muita gente compra os cursos e não os finaliza. É importante ir identificando o perfil de quem finaliza e fidelizar esses alunos, é ali que o nicho fica mais evidente.

Se puder vá além

Sempre que você entrega mais, o resultado com o cliente/aluno é acima das expectativas.

Com os cursos funciona sempre da mesma maneira. Se você entregar uma experiência maior do que disse que iria entregar, o sucesso estará um pouco mais perto.

Lembre-se que nada melhor que alguém indicar você a outros, parte do sucesso dos cursos será o boca a boca dos seus alunos.

Cuide com os erros mais comuns

Achar que o seu PowerPoint é o melhor do mundo, não cuidar da qualidade do vídeo e principalmente do áudio, são um caminho para o insucesso.

Faça testes, pergunte para as pessoas, as plataformas onde você pense disponibilizar o seu curso normalmente aceitam um módulo de teste.

Então antes de gravar todo o conteúdo, faça um módulo, anote as configurações que estiver utilizando – sempre – e envie, eles vão avaliar e sugerir melhorias se for o caso.

Lembre-se de validar:

  • A ideia principal do curso, sua motivação;
  • O nome do curso;
  • O conteúdo / estrutura do curso;
  • A apresentação de cada aula / módulo;
  • O planejamento dos vídeos com você na frente da câmera;
  • Os recursos principais e secundários;
  • O local onde vai disponibilizar;
  • Sua estratégia de divulgação;
  • Como fazer para manter o curso em permanente evolução.

Eu estou apenas sugerindo uma linha, você pode planejar mais, validar a ideia e desenhar tudo antes de colocar mais esforço no seu curso.

Cada pessoa vai criar um método diferente, em estou apenas mostrando como eu faço e tenho feito nestes últimos anos.

Se tiver alguma sugestão adicional comente aí!

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *