Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

Como avaliar um web site: o conteúdo

Como avaliar um web site: o conteúdo

O conteúdo é o nosso rei. Então é apropriado você saber como avaliar um web site: o conteúdo de um site, sendo ele seu ou não.

É ele que dá relevância ao site, faz ele ser encontrado facilmente, mostra que a empresa / profissional tem destaque com relação aos demais sites ou concorrência, é quem com o passar do tempo aumenta a visitação e conversão, ou se preferir, gera mais vendas!

Eu conheço a audiência?

Às vezes definir a audiência de um site é uma tarefa complexa, principalmente quando não se tem nenhuma noção sobre esse assunto.

Pode ser um bom ponto de partida olhar os dados do Analytics caso você tenha acesso a ele.

Utilizando assim os clusters definidos pela ferramenta e comparar com os conteúdos disponibilizados no site, vendo se fazem realmente sentido.

O conteúdo é relevante?

É comum encontrarmos sites, que demandaram algum investimento, transformados em uma casca, sem nenhum recheio.

Sem conteúdos em destaque, sem nenhum conteúdo textual sobre produtos/serviços, as vezes apenas com uma lista sem sentido nem relevância.

Então dê uma atenção a este ponto, ler e analisar pelo menos parte dos conteúdos do site de maneira adequada é necessário.

É engajador? Tem call to action?

Outro ponto importante é se o conteúdo serve para a audiência. Cria alguma necessidade de ação no usuário?

Está entregando realmente informações valiosas ou que agreguem?

Outro ponto é com frequência encontrarmos conteúdos, as vezes até bons, e nada, nada de CTA (call to action). Quer dizer, você está entregando uma coisa, então peça outra! Mas que isso fique muito claro.

Se quiser receber mais informações clique aqui. Se quiser receber novidades como esta cadastre-se aqui. Se precisar de ajuda chame a gente aqui no chat. E por aí vai.

Se você quer que o usuário faça alguma coisa, é preciso pedir que ele faça.

Então verifique se este tipo de ação está contemplada no site.

É original?

Também de nada adianta simplesmente copiar o conteúdo de outro site, as vezes do fabricante do produto que é apenas revendido.

É preciso criar em cima do texto, mesmo que seja uma tabela descritiva de funcionalidades.

E não é porque eu sou chato, o site pode ser penalizado por copiar conteúdos, grandes porções de conteúdos, isso impacta no SEO, impacta como ele vai ser classificado e encontrado nos resultados de buscas.

Então é importante levar isso em conta. Nunca copiar nada!

Está indexado adequadamente?

Não vá pesquisar no Google pelo nome da empresa ok?

Vá pesquisar por algum termo importante que deveria estar relacionado a ela, aí você pode começar a ver se em algum momento ela aparece nos resultados de busca.

Claro, as tags ocultas, os tipos de títulos, tudo impacta no resultado das buscas.

A maneira como os mecanismos são avisados de atualizações, para não depender apenas do interesse e da agenda deles, é preciso fazer o trabalho adicional.

Mas você tem ferramentas para lhe ajudar nessa tarefa.

Alguns aspectos a serem observados

  • Será que a indexação está ok?
  • Tem links quebrados?
  • Tem URLs muito longas?
  • O nome das páginas está correto?
  • A cor do texto está adequada?

Google Webmaster Tools

Todo site precisa estar “em dia” no Google Webmaster Tools, monitorando a saúde do site, indexação, pontos com problema, páginas AMP, sitemap, URLs, sugestões, etc.

Tudo isso disponibilizado através do Google Search Console.

Mas nem sempre você terá acesso a isso a menos que tenha recebido autorização do proprietário do site.

Bing Webmaster Tools

Ah, mas o Google não é o campeão? É sim, mas quem está em segundo? Então, é importante e ainda relevante.

Da mesma forma que no Google é importante estar em dia com o Bing, que possui seu painel bem semelhante ao do Google em vários aspectos.

Acho até que é um pouco mais completo!

AMP

Bem o AMP foi uma iniciativa para acelerar o carregamento de páginas de conteúdo em dispositivos móveis.

É uma coisa que pouca gente percebe que existe de fato, temos que levar em conta porque o Google considera isso um fator importante.

Então é alguma coisa que deve estar funcionando, ativa, mas que na prática ninguém vai usar, apenas o Google.

Sitemap XML

O sitemap é um mapa de links, quando o site é atualizado, ele também deve ser atualizado, e aí o mecanismo de busca é avisado que tem coisa nova para indexar, e caso esteja este sitemap cadastrado no respectivo “webmaster tools”, é nele que o mecanismo vai buscar o novo link para ser indexado.

Facilita o trabalho deles e agiliza o conteúdo a ser indexado.

Tags HTML

O HTML ainda é o padrão do conteúdo textual dos sites, embora tenha muito CSS envolvido para deixar um site de um jeito ou de outro, a correta utilização das tags HTML de títulos (H1, H2, H3…) e de parágrafos e textos, imagens, ajuda a criar uma categorização da importância de cada parte dos conteúdos das páginas.

Então a correta utilização das tags HTML é algo relevante.

Otimização para SEO

Também é importante para uma indexação adequada, que as tags específicas para este fim estejam preenchidas, e façam realmente sentido quando comparadas com o conteúdo textual das páginas.

Neste ponto temos boas ferramentas de análise.

Está otimizado para performance?

Poderia abrir este item em vários outros. Otimizado para carregar mais rápido, imagens otimizadas para ficarem menores, código otimizado, cache, CDN, e por aí vai.

Otimizado para muitas coisas que você vai conseguir identificar, utilizando ferramentas específicas.

E se não estiver otimizado, você vai saber o que precisa ser feito.

Tem um blog?

Pode até não ter esse nome, mas uma área de publicação de notícias, de conteúdos mais frequentes é muito importante.

Um site precisa ter atualizações frequentes, de conteúdos que façam sentido, para ter mais relevância, então isso ajuda bastante.

Integra ou remete às redes sociais?

É importante observar se o site remete às redes sociais da própria empresa.

Não é interessante utilizar widgets muito pesados de redes sociais diretamente na capa do site, eles mais atrapalham do que dão resultados.

Não foque demais nas máquinas

Embora os sites sejam sistematicamente acessados por diversos tipos de bots, para verificar, controlar e identificar dezenas de tipos de coisas, o site na essência é feito para nós humanos!

Então é importante que seja otimizado para ser utilizado adequadamente.

Claro que facilitar o trabalho das máquinas ajuda bastante.

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS. Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total). Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil afora Mais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa. Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos. Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você. Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *