Gustavo Tagliassuchi
Estudioso da web e seus desdobramentos, nerd, micreiro, pai dedicado de três filhos (um é peludo), marido esporádico, empreendedor, especialista em desenvolvimento de software para web, pesquisador, escritor, professor, marketeiro digital, blogueiro, apreciador de cervejas artesanais, admirador do WordPress, co-organizador dos Meetups de WordPress em Porto Alegre, organizador do WordCamp Porto Alegre 2019 e co-organizador em 2018 e 2017, ouvinte das músicas dos anos 80, sobrevivente do colesterol alto, corredor muito muito amador e sócio da Agência Dupla.

A verdade é uma só?

Não sou o dono dela para ficar bem claro. Mas a grande verdade é que temos nos deparado com muitas tecnologias, muitas abordagens de uso das mesmas, tantas outras técnicas e fórmulas consagradas ou não da velha ou da nova escola do marketing, e ainda, daqueles que estão se especializando neste segmento, que são as agências digitais e seus desenvolvedores, sem esquecer obviamente daqueles que são o objetivo disso tudo, a nossa audiência, mais especificamente aqueles que queremos como clientes daquilo que desejamos vender.

E faz tempo, dez anos pelo menos, que se tenta muita coisa para atrair a atenção do internauta. Se tentam muitas fórmulas, imagens, links textuais, flash, filmes, links patrocinados, sugestão baseado no comportamento de outrem e às vezes nos deparamos com míseros números de retorno (que dependendo de quem analisa pode ser um grande resultado), quero dizer que se investe muito, em muita coisa distinta, e as vezes o resultado não é o esperado, e o retorno do que foi feito (um banner, um hot-site, um web site, um patrocínio exclusivo, milhares de placas coladas nos carrinhos dos papeleiros, não importa), e a resposta é a seguinte:

Não existe uma só verdade para se divulgar ou traçar uma estratégia de marketing na Internet. Basicamente porque cada usuário é diferente em muitos aspectos, e parecido em tantos outros.

Porque eventualmente um link enviado por uma pessoa a outra acaba por percorrer rapidamente a caixa de e-mail de milhares de outras? Intuo que seja porque estes usuários, ou grupo de usuários, ou grupos de relacionamento têm algumas características em comum.

Da mesma maneira que um banner bem feito e bem posicionado às vezes passa despercebido, e outras vezes um banner razoável tem uma taxa muito grande de clicks (o que necessariamente não significa ser um sucesso ou alavancador de vendas, por exemplo).

E quando você faz uma busca e não encontra nada decente no resultado, não dá uma espiada no que aparece ao lado, na área patrocinada? Às vezes é muito relevante! E em outras palavras, ter certeza do público que se quer atingir e medir o resultado do se está fazendo é o primeiro passo para seguir por determinada direção. Eu particularmente não fico tentando fórmulas novas para meus clientes, tento primeiro para ver o que acontece e me certificar de que são novidades válidas ou não. Algumas vezes dá certo, outras vezes não dá. Experimentar é arriscado, mas é necessário.

Não estaríamos aqui se não tivéssemos a centelha da inovação, da novidade, das novas tendências e tecnologias da web, e às vezes tentar é melhor do que não fazer nada.

Share

Gustavo Tagliassuchi

Eu sou Gustavo Tagliassuchi, minha formação é em tecnologia em informática, me especializei em desenvolvimento de software para a web, mas minha experiência profissional desde a década de 90 inclui editoração eletrônica, gráficas, desenvolvimento de aplicativos multimídia multi-plataforma, produzi muito CD-ROM, quiosques multimídia, fui o primeiro desenvolvedor da Apple no RS.Trabalhei em provedores de acesso à Internet, em algumas agências e também criei algumas delas (4 no total).Ajudei a fundar a AGADi que posteriormente virou ABRADi e se multiplicou Brasil aforaMais recentemente ainda fui sócio de uma empresa de e-mail marketing e monitoramento de mídias sociais, onde desempenhei diferentes atividades, como responsável pelo desenvolvimento de ferramentas oferecidas em padrão SAAS, fui responsável pelo suporte e atendimento de uma rede de mais de 18.000 marcas entre clientes diretos, canais e parceiros, além de dar apoio ao marketing digital da empresa.Mas isso tudo não importa, o que importa é que eu nunca deixei de fazer web sites, atender clientes de todos os tipos e portes, e ajudar amigos e parceiros a utilizar melhor a Internet e a melhorar a qualidade dos serviços que prestavam, e até a criar produtos e escalar os mesmos.Então, até influenciado por alguns deles, resolvi criar alguns cursos e transformar este conhecimento que adquiri em algo interessante para você.Não vou vender nenhuma fórmula mágica, não garanto que ninguém vá ficar milionário da noite para o dia, mas eu acredito que consigo acrescentar alguma coisa da experiência que adquiri nesses últimos 26 anos para ajudar você a melhorar e a solucionar alguns problemas dos seus clientes, vou lhe ajudar a fazer a diferença na vida dos seus clientes.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *